Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Follow by Email

Translate

Seguidores

sábado, 26 de julho de 2008

Estudo da reação dialógica entre a conscientização teórica e o habitus didático de uma professora num percurso de mudança da sua abordagem de ensinar

Estudo da reação dialógica entre a conscientização teórica e o habitus didático de uma professora num percurso de mudança da sua abordagem de ensinar
Dora Fraiman Blatyta
Dissertação de mestrado em Lingüística Aplicada (UNICAMP)
Orientadora:
Profa. Dra. Marilda do Couto Cavalcanti
Data da defesa: 20/12/1995.
Resumo: Este trabalho reflete um paralelo entre processos aqui considerados como resultantes de "desestrangeirização": os processos de aquisição de uma língua estrangeira por alunos e o processo de conscientização teórica percorrida por uma professora iniciando a sua formação continuada na área de lingüística aplicada. Examina o processo de mudança da abordagem de ensinar de uma professora-pesquisadora, à luz do diálogo entre as teorias explícitas, com as quais entrou em contato durante o desenvolvimento de seu mestrado, e as suas próprias teorias implícitas, aqui consideradas como suas crenças a respeito de linguagem e de ensino-aprendizagem. A pesquisa, de cunho etnográfico, analisa a relação dialógica dos movimentos de aproximação e de afastamento (resistência) entre a conscientização teórica da professora-pesquisadora e seu "habitus" didático, bem como o papel das crenças implícitas na revisão de sua prática de ensino de hebraico como língua estrangeira. Foram detectadas várias crenças implícitas, entre elas: aquelas que podem perturbar a motivação para uma formação continuada; crenças que tornam a relação em sala de aula mais assimétrica, inibindo a motivação dos alunos para uma aprendizagem mais significativa; e crenças mantenedoras de expectativas baixas, aquém do que os aiunos realmente podem produzir quando se Ihes é dada oportunidade para tal. A pesquisa focaliza, através de gravações em áudio, vídeo, e vinhetas. narrativas, quatro grupos de alunos de hebraico universitários, com enfoque especial em um deles, acompanhado durante três semestres. Observando-se as tendências manifestas no processo de mudança da professora, o estudo permitiu concluir que, sem rupturas bruscas, algumas destas crenças, quando explicitadas e confrontadas com crenças e fazeres alternativos, podem vir a ser modificadas, abrindo caminhos para uma renovação estrutural do habitus didático.

Nenhum comentário: