Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Follow by Email

Translate

Seguidores

segunda-feira, 21 de abril de 2008

Língua Hebraica (André Chouraqui)

CHOURAQUI, André. Os homens da Bíblia. São Paulo: Companhia das Letras, 1990. p.223: "O hebraico é uma língua de flexão interna. O fundo da linguagem é composto por raízes cuja conjugação permite evocar o sujeito, o objeto, a idéia, a emoção ou o sentimento a serem expressos. Cada raiz contém a idéia mestra que se encontrará nos discursos sob todas as suas nuances, todas as suas formas. O papel das vogais, ora longas, ora breves, é dar à palavra o sentido desejado. Assim, o hebraico é a língua do ritmo e do número. Partículas invariáveis articulam o discurso; a sintaxe rudimentar baseia-se mais na coordenação do que na subordinação das idéias. Língua de um saber global, de uma revelação concreta - muito mais do que a língua de um reflexão abstrata -, cujo gênio arrebata o pensamento à abstração a fim de entregá-lo ao imperativo do ato."

Nenhum comentário: